Coro fechado

Entre grades de cerveja, garrafas de uísque e costelões na brasa foi concebido a primeira produção cinematógráfica realezense – pelo menos a primeira que se tem notícia. O curta foi feito num transe em busca de uma identidade cultural do sudoeste do Paraná – para quem não sabe, fui concebido e virei gente numa cidade de lá chamada Realeza. Sempre coexistimos entre bailões, estradas de terra vermelha, preconceitos e largas e venturosas avenidas de Sessão da Tarde. Se estivesse vivo, Glauber Rocha e Tarantino seriam melhores amigos – na verdade, trabalho com a hipótese de que seriam amantes. Assista:

Ato 1 de 3

Ato 2 de 3

Ato 3 de 3

Texto: Ale Lucchese
*Mil agradecimentos ao Cocoon por disponibilizar no youtube.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s